Domingueiro

Fim de semana grande mais uns 4 dias de férias para completar a ponte e uma semana de sol e calor que faziam prever uns dias de praia excelentes.

Saio de casa com calor, o céu ligeiramente encoberto do fumo de alguns incêndios que persistem graças à irresponsabilidade de pessoas perversas ou interesses económicos que se assemelham a um vírus capaz de matar o seu hospedeiro… não vim aqui falar disso.

Sigo pelo caminho que me tem levado tantas vezes até Castro de São Paio. Assim que chego à N13 fico gelado com a diferença de temperatura e boquiaberto com o tempo cinzento. Decido seguir a N13 e aproveitar para visitar Vila do Conde.

Chego à cidade.

Tirando o cinzento gélido, o mar estava calmo, coisa rara, e sem vento, igualmente raro.

Aproveito para passear junto ao mar e visitar o farol sem qualquer perigo.

Andar aquece.

O cinzento do céu funde-se com o mar. Só de perto se percebe que o mar está de um verde cristalino.

Resisto à tentação de dar um mergulho com a desculpa que um fino gelado me vai saber melhor.

Esperei, quase desesperei e desistiu do fino de tanto esperar. 

Devia ter saído. Que fino mau! Até o copo era o errado. Bebi e fugi.

Se o tempo continuar assim, vou ficar por Santo Tirso a ler um livro e apanhar pokémons nos intervalos.

Está um domingo perfeito para os domingueiros que gostam de estacionar o carro junto ao mar e ficar a dormir o resto da tarde. Eu vou regressar a Santo Tirso e tirar este gosto mau da boca.
Sejam felizes.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s